CARTA ABERTA AO JOSÉ SERRA

Jorge Linhaça

Caro Sr José Serra, tenho acompanhado o seu horário eleitoral “gratuito” e , não fosse eu um “homem de teatro” ficaria realmente comovido com o seu desempenho, principalmente quando se empenha em cantar trechos do nosso Hino Nacional…é Serra, NOSSO hino, apesar de seus correligionários insistirem de que apenas eles são patriotas e nós, apenas uma massa de parasitas, ignorantes, analfabetos, iludidos, comunistas de plantão e outros adjetivos que é melhor deixar que brotem apenas das bocas de seus apoiadores, caro candidato.

Justo você que diz ter vindo da Mooca, um bairro tão ligado aos italianos, à luta pela democracia, hoje se mistura com nazistas; fascistas;o fundo do tacho dos militares saudosas da ditadura; com a direita retrógada e raivosa, pronta a xingar e gritar palavras de ordem em cada e-mail, prontos a desejar a morte de todos aqueles que não sucumbirem ou aderirem aos seus discursos.

Sabe,Zé, permita-me chama-lo assim já que o senhor aparece na tela de minha TV sem ser convidado e, portanto, outorgo-me o direito de tratá-lo como um ser comum e não um semi-deus que sua campanha tenta desenhar, vejo-te fazer lindos discursos falando de amor, de sinceridade, de união pelo bem do Brasil…

coisas bonitas , com certeza mas, fico me perguntando, Zé, se os seus eleitores e aqueles que fazem o seu trabalho sujo na internet tem alguma consciência de seu discurso…não está entendendo?

Ok, caro José, eu explico, sem enrolar…:

Ocorre que todos os discursos ou pelo menos 99% dos discursos inflamados que vejo pedindo que votem em você vem eivados de xingamentos, preconceitos, ódio racial, homofobia e etc.

Não por acaso, José, sites “Nacionalistas” ( nome bonitinho para neo-nazistas) apóiam a sua candidatura contra os parasitas e esfomeados beneficiários do “bolsa-esmola” .

Para os seus correligionários, caro Serra, todos são mentirosos, mesmo que nossas mentiras sejam dizer, por exemplo que você adora abandonar mandatos pela metade, o que pode ser constatado em qualquer lugar, não é mesmo?

Qualquer argumento levantado pelos que não votam em você é rechaçado aos gritos de “Comunistas Imundos”, “Analfabetos”, “Nordestinos”, “Parasitas da nação”…como ´você pode ver , caro amigo, parece que você consegui reunir o que há de melhor entre as “pessoas pensantes” do mundo virtual…tão pensantes que repassam asneiras sem tamanho como um pseudo carta de uma senhora mineira que reclama de ter se aposentado COMO SERVIDORA PÚBLICA ESTADUAL NO CARGO DE PROFESSORA, RECEBENDO MENOS DE UM SALÁRIO MÍNIMO POR MÊS...rsrsr  só esqueceu de dizer que quem paga os salários dos professores estaduais é o governo estadual, no caso, o governo de seu cabo-eleitoral, Aécio Neves…por caso do PSDB…rsrss

A mesma senhora ( acredito que fictícia) caro José…diz que foi assaltada 13 ( interessante a escolha do número ) em sua fazenda ( que deve ter comprado com sua aposentadoria de menos de um salário mínimo, lá em Uberlândia) só esqueceu de dizer que o combate ao crime é da competência do estado, portanto seria competência ou falta dela, do Aécio e do PSDB…

Mas, deixemos a pobre velhinha de lado, não é José? Afinal o candidato é você…aliás você que disse num jornal da Globo que a educação em São Paulo não deslancha porque temos muitos “migrantes” vindo para cá…rsrs foi um modo interessante de dizer que os filhos de mineiros , nordestinos, nortistas e outros brasileiros que vem para cá são menos inteligentes que os centenários paulistanos…mas Zé…você esqueceu de uma coisa…os “centenários” paulistanos não frequentam escola pública, não é mesmo?? Assim como nenhum filho ou neto seu jamais pisou em uma escola pública do Estado de São Paulo que, segundo o senhor, nos últimos 16 anos não deve nada às melhores escolas particulares…

Sabe Zé…eu poderia enumerar muitos e muitos motivos para não votar em você…o maior de todos é que sou paulista e não sou cego e nem escravo da veja/estadão/folha…mas basta saber de onde vem os seus apoios que acabam por levar outros iludidos a defenderem sua candidatura para jamais votar em você…

Olha Zé, pessoalmente você não me diz nada, não gosto e de suas posturas autoritárias e conversa pra boi dormir…mas quem é apoiado por nazistas e outros grupos de ultra direita, jamais há de receber o meu voto nem hoje e nem nunca.

Quem recebe apoio de saudosos do regime militar e que ainda hoje vivem a ilusão de que qualquer coisa vermelha é sinal de comunismo, que ainda não descobriram que acabou-se a guerra fria, que não estamos mais numa ditadura , mas sim numa democracia, e que ser ou não comunista não faz de ninguém melhor nem pior que os demais…aliás, Zé, esse é o problema com os rótulos, não é mesmo?

Mas ,encerrando, jamais vou votar ( e nem milhares de pessoas de bem ) em um candidato que na TV é uma coisa e na internet é outra totalmente diferente em sua militância…

Sabe Serra, tem uns amigos seus “pessoal do serra”, como diz sua propaganda que não respeitam nem os artistas e intelectuais que apoiaram a Dilma…que coisa feia…só leviandades e acusações contra os nomes mais conhecidos…mas não dizem da brigada da legalização da maconha que te apóia não é mesmo Zé?
Que coisa mais feia…enfim Serra…você tomou o caminho da contra-mão da história, vendeu a alma por votos que um dia vão-te custar muito caro ( se já não estão custando).

É uma pena Zé, realmente um pena, quer alguém que um dia já foi um defensor das liberdades, hoje esteja perfilado ao lado daqueles para quem a liberdade só deve servir a uns poucos privilegiados.

Boa sorte

Jorge Linhaça

Contatos com o autor

 

BLOG

Olá! Além do INTERATIVO BLOG, você também pode me encontrar no seguinte espaço: http://generalizado.com.br. O Generalizado tem por tema a Educação, assim como o Interativo. A diferença é o endereço personalizado.  Se quiser postar suas ideias aqui é só me enviar por email: globalizante@ig.com.br, publicarei com os devidos créditos ao autor. Os conteúdos devem ser coerentes com o tema do blog. A ideia é reunir atividades para serem aplicadas em sala de aula em um só local para que professores e acadêmicos não precisem ficar procurando em vários locais. Este blog não tem fins comerciais, portanto, faço um trabalho social.

Um forte abraço!

Rouberval Barboza.

Em 2010, 15 ex-prefeitos já foram condenados pelo TCU por irregularidades na merenda escolar

Um levantamento feito pelo UOL Educação mostra que, entre janeiro e agosto, 15 ex-prefeitos foram condenados pelo TCU (Tribunal de Contas da União) a devolver dinheiro para o governo federal por causa de irregularidades na distribuição de merenda escolar. O valor devido pelos políticos chega a R$ 5,4 milhões, em valores da época das irregularidades. Neste ano, o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) está repassando a Estados e municípios R$ 0,30 por dia para cada aluno. Tomando por base esse valor, seria possível alimentar, em um dia, 18 milhões de crianças em idade escolar com a verba desviada a ser devolvida. Em 2010, o governo federal deve gastar R$ 3 bilhões em merenda. Dos 15 casos, quatro estão no Maranhão, quatro na Bahia, dois em São Paulo e, o resto, dividido entre Goiás, Alagoas, Amapá, Pará e Pernambuco. Uma ex-prefeita de Caxias (MA), a 360 km da capital São Luís, é a que teve condenação no valor mais alto: cerca de R$ 2 milhões. Além de ter comprado alimentos com preços acima dos praticados no mercado, foram detectados problemas em notas fiscais.

As irregularidades identificadas pelo FNDE –que faz uma complementação do dinheiro da merenda aos municípios– e pelo TCU vão desde o superfaturamento de produtos à falta de prestação de contas. Segundo o fundo, um ex-prefeito de Dormentes (PE), a cerca de 700 km de Recife, forneceu quantidades menores de merenda do que o custeado pelo PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar, que é do FNDE). No Pará e em Alagoas, há ex-prefeitos que deixaram de distribuir a comida para as escolas. Para José Matias Pereira, professor de administração pública da UnB (Universidade de Brasília), o que estimula algumas autoridades a desviarem esse tipo de verba é a sensação de impunidade. “O alimento, às vezes, é a motivação para o aluno ir para a escola. Quando você pega um prefeito que se posiciona dessa forma [desviando recursos], na verdade, ele age dentro de um contexto e é motivado, principalmente, por interesses menores”, diz.

O tempo para que um gestor público seja condenado pode passar de cinco anos. Um ex-prefeito de Ibirapitanga (BA), a 361 km de Salvador, por exemplo, teve problemas com contratos em 1998 e foi condenado somente em 2010. A demora no julgamento das ações acaba elevando o valor devido, já que as decisões exigem o pagamento com correção monetária. O valor a ser devolvido já pode ter passado de R$ 13 milhões. Mesmo com a devolução, o dinheiro não volta necessariamente para o FNDE ou para o Ministério da Educação, já que o depósito precisa ser feito na conta única do Tesouro Nacional. O professor também critica a demora em punir os responsáveis. “Se você me perguntar se um diretor de escola não sabe que os alunos estão sendo alimentados, sim, ele sabe. Essa informação teria que ir para um sistema de controle e ter prioridade”, afirma. Quem detectar irregularidades nas merendas pode denunciar o fato ao Ministério Público. (UOL)